Pelo Wild Card, Foz Black Sharks recebe Moon Howlers neste domingo

O Foz do Iguaçu Black Sharks receberá o Moon Howlers FA neste domingo, 5 de maio, em partida válida pela rodada de wild card do Campeonato Paranaense de Futebol Americano. Em busca da classificação para as quartas-de-final da competição estadual, a partida tem tudo pra ser uma das mais emocionantes até aqui na competição.

SAURA-21-prejogo
Black Sharks recebe Moon Howlers neste domingo. (Foto: Lucas Saura Fotografia)

Classificados em segundo na Divisão Leste, o Black Sharks ficou com o seed #8 na temporada regular e, por isso, tem o mando de campo na partida. E para o head coach e quarterback da equipe, #55 Ariel San Martin, podemos esperar muita intensidade dos donos da casa: “A intensidade será a diferença no jogo. Será um show dos ataques, então a partida será definida pelas defesas e nós focamos o nosso trabalho nisso. A maior dificuldade nossa vai ser manter a disciplina, que é o que vem nos complicando, principalmente em situações nas quais precisamos manter o foco”.

Ariel San Martin Black Sharks
Ariel San Martin, head coach e QB do Foz do Iguaçu Black Sharks

Com a equipe optando por ficar de fora da BFA Acesso no segundo semestre, competição que o Black Sharks disputava anualmente, esta pode ser a principal partida do time na temporada, sendo a chance do time de chegar mais longe no certame estadual. Para o head coach, todo o jogo daqui pra frente deve ser encarado como uma final: “Após alcançarmos a classificação cada jogo é considerado uma final. Desta forma, não tem jogo fácil e a outra equipe está com a mesma fome de vitória. No geral, o Black Sharks vem evoluindo, os atletas estão aprendendo desde os primeiros jogos e podemos falar que estamos mais perto de alcançar a maturidade”.

 

Do outro lado, o Moon Howlers, que ficou em segundo na Divisão Leste e com a 9ª colocação geral, também prefere a filosofia de um jogo por vez. Ao menos foi isso que nos disse Carlos Zuchi, head coach da equipe: “Acredito que para o time a próxima partida é sempre a mais importante da história e é o caso deste jogo. Em termos da história do esporte no estado, um time que vai evoluindo em seu jogo, estrutura e resultados, sempre espera que um jogo de playoffs seja possível de ser ganho e continuar em cada competição o máximo de tempo possível, vislumbrando futuros títulos. Ano passado tivemos a chance de jogar os palyoffs da Copa Sul e entramos para ganhar, apesar de não temos conseguido o resultado. Esse ano vamos respeitar nosso adversários, mas entraremos buscando a vitória e ir o mais longe possível no campeonato”.

Carlos Zuchi 01
Carlos Zuchi, head coach do Moon Howlers (Foto: Vinícius Basso / Futebol Americano Paranaense)

Zuchi falou também sobre a preparação feita para a partida deste domingo: “Assistimos aos vídeos do Foz e desenvolvemos nosso plano de jogo baseado no que observamos deles. É claro que cada jogo tem sua história e tudo pode mudar já no começo, então, estamos preparados para fazer ajustes e mudanças no decorrer do jogo conforme o adversário se apresentar. As maiores dificuldades serão o adversário forte e experiente, a longa viagem e o calor que podem desgastar nossos jogadores. E podem esperar: vamos deixar o sangue e alma nesse campo para conseguir essa vaga na próxima fase”.

Black Sharks e Moon Howlers entram em campo neste domingo, a partir das 9h, no Campo da AKLP, em Foz do Iguaçu. A entrada é franca.

(Fotos: Lucas Saura Fotografia | Vinícius Basso / Futebol Americano Paranaense)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s