Com atletas vindos da base brilhando, Crocodiles vencem Breakers em Curitiba

O Coritiba Crocodiles (3-3) venceu o Jaraguá Breakers (0-4) por 48 a 0 na tarde deste domingo no Croco Stadium, em Curitiba, em partida válida pela Conferência Sul da Liga BFA Elite. Destaque do jogo fica por conta dos jovens atletas, vindos da base do Crocodiles, que foram responsáveis por boa parte das pontuações do time, mostrando que a renovação está sendo feita na equipe da capital paranaense. Infelizmente, a vitória não foi suficiente para a equipe, que não tem mais chances de classificação para os playoffs.

Desde o primeiro quarto o Croco mostrava que não daria chances para os visitantes. Pelo lado da defesa, foram três campanhas com 3 and outs do Breakers. Com o ataque, foram três touchdowns. O primeiro, num passe longo do quarterback #4 Rodrigo “Mamão” Martire para o wide receiver #3 Bernardo Horevitch, que conseguiu boa separação numa rota post e agarrou a bola, já dento da end zone. O extra point era convertido pelo #89 Adan Rodriguez.

O segundo veio em novo passe do Mamão, desta vez para o WR #89 Adan, que agarrou a bola, batalhou e se esticou para que ela cruzasse o plano de goal. O XP era novamente convertido pelo próprio Adan. Ainda no primeiro quarto, o QB da equipe lançou um passe na screen para o jovem running back #29 Eduardo “Piu Piu” Lopes, que agarrou a bola, quebrou diversos tackles e entrou na end zone. O XP convertido pelo Adan deixava o placar em 21 a 0, quando chegávamos ao final do primeiro período.

Logo no começo do segundo quarto os donos da casa ampliariam a vantagem, com um field goal de 42 jardas convertido pelo Adan, levando o placar para 24 a 0. Os visitantes conseguiram, então, renovar as descidas pela primeira vez no jogo, mas, ao final da campanha o time teve que ir para o punt.

Do lado do Croco, já dentro do two-minute warning, a equipe conseguiria mais um field goal, desta vez com o kicker #6 Kevin convertendo de 41 jardas. Os visitantes até teriam uma campanha com renovação de descidas novamente, mas, não chegaram à pontuação, com o placar chegando ao intervalo em 27 a 0.

O Coritiba começou o terceiro período dando voadora no lustre, com uma trick play muito bem trabalhada. A equipe apostou num duplo reverse e, ao invés de correr, a bola voltou para o quarterback #4 Mamão. Com a defesa adversária tendo comprado totalmente a jogada como corrida, ficou muito fácil para o QB encontrar o wide receiver #81 Pozzi, numa conexão de 59 jardas. Ao final da campanha, Mamão lançou novamente na screen para o RB #29 Piu Piu, que anotou seu segundo TD do jogo. O XP desta vez era bloqueado.

Já nos 12 minutos finais, seria a vez da defesa dos curitibanos aparecer e interceptar um passe do ataque do Breakers, com o safety #11 Rocha, que teria retornado para touchdown, não fosse a provocação que fez antes de entrar na end zone, cancelando a pontuação por falta. Mas, com o ataque em ótima posição, a equipe voltou a pontuar, desta vez com o QB #7 Elijah Freeman, que se movimentou bem no pocket e lançou para o jovem WR, vindo da base, #10 Andrew, que, livre, agarrou o passe na end zone. No XP, nova trick play do Croco, desta vez com o Mamão encontrando o Betiato, convertendo os dois pontos e levando o placar para 41 a 0.

 

Na sequência, novamente a secundária do Croco apareceria bem e interceptaria um passe, desta vez com o #44 João Mueller, outro atleta vindo do sub 20 da equipe. O ataque novamente capitalizou, em mais uma jogada bonita na partida, com o running back também formado na base do Croco, Piu Piu, correndo mais de 52 jardas numa velocidade impressionante. O XP convertido pelo #14 Pedro Belini deixava o placar em 48 a 0, quando o jogo chegava ao fim.

Essa foi a última partida do Croco na temporada regular, uma vez que a equipe estará de bye na rodada final da competição. Mas, com a combinação de resultados e a vitória do Gaspar Black Hawks sobre o Istepôs FA, em Santa Catarina, a equipe não tem mais chances de classificação para os playoffs da Conferência Sul da Liga BFA Elite.

Confira abaixo um resumo das pontuações do Crocodiles na partida.
#4 Ramon “Mamão” Martire (QB): quatro passes para touchdown; um passe para conversão de dois pontos;
#7 Elijah Freeman (QB): um passe para touchdown;
#3 Bernardo Horevitch (WR): uma recepção para touchdown;
#89 Adan Rodriguez (WR/K): uma recepção para touchdown; um field goal convertido; três extra points convertidos;
#29 Eduardo “piu piu” Lopes (RB): duas recepções para touchdown; uma corrida para touchdown;
#10 Andrew (WR): uma recepção para touchdown;
#15 Betiato (WR): uma recepção para conversão de dois pontos;
#6 Kevin (K): um extra point convertido.

(Foto: Vinícius Basso / Futebol Americano Paranaense)

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s