Head coach do Guarapuava DarkWolves comenta classificação para playoffs da Copa Sul

Com duas vitórias em três partidas na Copa Sul deste ano, o Guarapuava DarkWolves se garantiu na semifinal da competição regional, uma conquista histórica para a ainda jovem equipe do interior do Paraná. Para o head coach do time, Tiago Bonfim, representar a cidade e o estado no certame é uma grande responsabilidade.

_Para Tiago Bonfim_ 10
Tiago Bonfim, head coach do Guarapuava DarkWolves (Foto: Vinícius Basso / Futebol Americano Paranaense)

Após chegar aos playoffs do equilibrado campeonato paranaense de 2019, perdendo fora de casa para o Brown Spiders nas quartas de final, o DarkWolves volta a passar da primeira fase de uma competição, desta vez na Copa Sul. Vale lembrar que o time venceu o Street Dogs e o Wolves UTFPR-CP e perdeu para o Guardian Saints.

Para o head coach da equipe, a conquista é histórica: “É um feito muito significativo para a equipe ter conquistado essa vaga. Como comentei com os atletas, agora não representamos somente nossa cidade (Guarapuava), mas sim representaremos o Paraná. Como HC fico muito feliz em estar no comando da equipe e vivenciar essas realizações, estou muito orgulhoso deste plantel que é jovem em idade, porém vem demonstrando muita maturidade no decorrer da competição”.

A classificação veio numa partida bastante disputada contra o Street Dogs, em Campo Largo. Após um primeiro tempo sem conseguir pontuar, os visitantes tiveram quatro tentativas de field goal no segundo tempo, mostrando evolução no desempenho ofensivo: “O primeiro tempo da partida foi muito tático, o que demonstra o excelente trabalho da CT das duas equipes, pois era evidente que ambos fizeram a tarefa de casa que era estudar o adversário”, disse Tiago.

“Nossa defesa trabalhou muito bem travando o forte ataque do Street Dogs, enquanto nosso ataque fez um ótimo trabalho se mantendo o máximo em campo, mas infelizmente não conseguimos traduzir essa posse em pontuação, muito por conta de faltas bobas no time especial”, continuou o head coach. “A mudança de desempenho no segundo tempo se dá pelo contexto do jogo, precisávamos pontuar e isso fez com que arriscássemos mais. Porém mantivemos a disciplina tática, tanto no ataque quanto na defesa. Esta disciplina se converteu no field goal que abriu o placar e na pick six que deu números finais a partida”.

Relembre aqui como foi a vitória do time contra o Street Dogs.

Olhando para a próxima partida, o head coach espera intensificar os trabalhos: “A preparação será mais intensa tendo em vista o prazo entre um jogo e outro, mas sempre respeitando o processo. Como será a primeira vez que enfrentaremos uma equipe de outro estado será preciso analisar e assimilar esta outra cultura e estilo de jogo. Como HC a preparação já começou logo após o retorno da viagem, como nosso adversário ainda não esta definido, nesse primeiro momento é corrigir nossos erros e aguardar o desenrolar da competição para preparar a melhor estratégia”.

O DarkWolves agora espera a definição da Chave Gaúcha da competição para saber quem enfrentará na semifinal. O mando da partida será definido por sorteio.

(Fotos: Vinícius Basso / Futebol Americano Paranaense)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s