É CAMPEÃO! Silverhawks aplica virada histórica sobre Bangu Castores e conquista o título da Liga BFA

Histórico. Espetacular. Emocionante. Sobram adjetivos para o que o Curitiba Silverhawks conquistou na tarde deste sábado, na final da Liga BFA Feminino, principal competição nacional da categoria. A equipe curitibana venceu o Bangu Castores por 21 a 20 na grande decisão, mesmo estando perdendo por 20 a 0 na metade do terceiro quarto, e garantiu o grande título nacional da categoria.

E o jogo começou bom para o lado das visitantes. Logo no primeiro snap a running back, selecionada para o training camp da seleção brasileira, #32 Mariana Teixeira, correu 51 jardas até a end zone, praticamente sem ser tocada. A conversão de dois pontos mal sucedida deixava o placar em 6 a 0, com cerca de 10 segundos jogados na partida.

A partir deste momento o jogo começou a ficar mais nervoso no Croco Stadium. Nenhuma das equipes conseguiu avançar muito em campo e apenas uma interceptação, garantida pela safety #22 Vanessa Loureiro, do Bangu Castores, colocaria emoção no jogo. Ao final do segundo período as visitantes até tiveram sua chance de aumentar o placar, mas, o tempo acabou com a equipe na linha de 4 jardas.

No segundo tempo a história do começo da partida se repetiu. Logo na primeira campanha ofensiva o Bangu Castores conseguiu novo touchdown, novamente com a running back #32 Mariana Teixeira, desta vez recebendo um passe da quarterback #9 Larissa Giustti e garantindo uma conexão de 69 jardas (!). A conversão de dois pontos bem sucedida, em corrida da #22 Vanessa, que também atua como full back, deixava o jogo em 14 a 0.

Na sequência novamente o ataque do Silverhawks saiu de campo com uma interceptação, desta vez nas mãos da #34 Mariana Teixeira, que estava jogando também na defesa. E foi a própria Mariana que capitalizou o turnover, numa corrida de 44 jardas até a end zone, garantindo o TD. A conversão de dois pontos mal sucedida colocaria 20 a 0 no placar.

Mas, ainda no terceiro quarto começaria a recuperação do Silvehawks. Na campanha
seguinte a equipe chegaria ao seu primeiro touchdown, num passe da quarterback #12 Ester Alencar para a wide receiver #13 Suzane Lustosa, que quebrou um par de tackles para entra na end zone. O extra point convertido pela #73 Jô Bertoja colocaria o jogo em 20 a 7.

Com isso, tanto a defesa das donas da casa quanto a torcida do Silverhawks sentiram a mudança do momento do jogo, que começou a pegar fogo. O ataque pegou a bola novamente já na linha de 32 jardas e não perdoou. A QB #12 Ester encontrou mais um passe para a #13 Suzane que agarrou a bola já na end zone, mesmo com muitas defensoras na jogada, anotando o TD. O XP novamente convertido colocava a diferença em uma posse de bola, 20 a 14, e mais de 8 minutos no relógio.

Novamente o ataque do Bangu Castores não conseguiu renovar as descidas e o Silverhawks teria nova chance de pontuação. Com a campanha iniciando na linha de 37 jardas, a campanha foi construída em corridas da RB #19 Maria Gabriela Scherner que, contando com o apoio da OL, colocou a bola na linha de 1 jarda. Aí, a QB #12 Ester Alencar apostou no QB sneak e, empurrada pelas outras atletas, entrou na end zone, garantindo mais um TD. No XP decisivo, o chute da #73 Jô Bertoja não podia ser mais emocionante: a bola bateu na trave e entrou, virando o placar para 21 a 20.

As visitantes ainda tiveram a última campanha para virar novamente o placar, mas, o momento do jogo era todo das donas da casa, que garantiram a vitória. Placar final, Curitiba Silverhawks 21 a 20 Bangu Castores e o título da Liga BFA Feminino para a equipe curitibana.

 

Confira abaixo as responsáveis pelas pontuações da partida.

Curitiba Silverhawks:
#12 Ester Alencar (QB): dois passes para touchdown; uma corrida para touchdown;
#13 Suzane Lustosa (WR): duas recepções para touchdown;
#73 Jô Bertoja (K): três extra points convertidos.

Bangu Castores:
#9 Larissa Giustti (QB): um passe para touchdown;
#32 Mariana Teixeira (RB): uma recepção para touchdown; duas corridas para touchdown;
#22 Vanessa Loureiro (RB): uma corrida para conversão de dois pontos.

(Fotos: Vinícius Basso / Futebol Americano Paranaense)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s