Com reforços mostrando serviço, Crocodiles vence HP na abertura da Divisão Elite

O Coritiba Crocodiles (1-0) venceu o Paraná HP (0-1) por 35 a 15 na tarde deste domingo, no Croco Stadium, em partida válida pela abertura da Divisão Elite do Campeonato Paranaense de Futebol Americano. A vitória foi construída com uma ótima atuação do quarterback #1 Gabriel Cunningham, logo na sua primeira partida com a camisa do Croco, lançando para quatro touchdowns.

A partida começou muito ruim para o Paraná HP. No kickoff, nenhum jogador da equipe pegou a bola para retornar, deixando-a viva e possibilitando que o próprio Croco ficasse com a posse. Já no campo de ataque, o quarterback #1 Gabriel Cunningham se movimentou bem no pocket, escapando da pressão, e encontrou o wide receiver #10 JR Leach, que, improvisando a rota agarrou o passe já dentro da end zone, numa conexão de 18 jardas. O extra point bloqueado deixava o placar em 6 a 0, com menos de dois minutos jogados na partida.

Com a posse, logo depois, o ataque do HP cometeu duas faltas (holding e atraso de jogo) e se viu com as costas na parede, numa 4ª para 22 jardas, na linha de 8. Aí, o snap foi baixo e o punter foi empurrado pelo time de especialistas do Croco até sair pelo fundo da end zone. Resultado da jogada, safety para os donos da casa e mais dois pontos no placar.

Mas, colocando a cabeça no lugar, o HP voltou para o jogo. Com o ataque em campo a equipe conseguiu diminuir a vantagem, numa campanha que contou com uma ótima corrida de 23 jardas do running back #28 Patrick Oliveira. Ao final, o QB #6 Mateus Rosa lançou uma linda bola para o WR #13 Pedro Henrique Ramos, anotando um TD de 33 jardas. O extra point convertido pelo kicker #7 Moletta deixava a partida em Croco 8 a 7 HP.

Na posse de bola seguinte, foi a vez do Cunningham mostrar um ótimo braço e encontrar um lindo passe para o WR #3 Bernardo Horevitch, que ganhou na velocidade e anotou o TD, em conexão de também 33 jardas. O XP dexta vez convertido pelo K #9 Clayton deixava a partida em 15 a 7, quando chegávamos ao final do primeiro quarto.

No segundo período, a defesa do HP colocou a equipe de volta no jogo. O Croco estava já na red zone, mas o cornerback #37 Cleverson Kvas leu muito bem a jogada e interceptou o passe já na end zone. Vale ressaltar a ótima partida feita pelo Kvas, dominando seu lado do campo. A interceptação deu moral para o HP que, na sequência, anotaria mais um touchdown, desta vez contando com a sorte. O QB #6 Mateus Rosa lançou em movimento e a bola estava nas mãos do CB do Croco. Mas, o jogador não conseguiu segurar a bola e a colocou pro alto novamente, ficando no colo do WR #16 Marcelo Guedes, que só teve o trabalho de correr até a end zone. A tentativa de conversão de dois pontos que empataria o jogo não foi bem sucedida.

Mas, antes de ir para o intervalo, o Croco conseguiria um novo TD. Numa campanha que começou no two-minute warning, o QB Gabriel Cunningham mostrou que também consegue resolver bem com as próprias pernas, colocando o time no campo de ataque. Com seis segundos no relógio, o time estava numa 2ª descida para 10 jardas, na linha de 39. Aí, Cunningham lançou uma bola linda, no colo do WR #3 Bernardo Horevitch que, caindo na end zone, agarrou o passe e garantiu a pontuação. O XP convertido pelo #9 Clayton deixava o jogo em 22 a 13, quando chegávamos ao intervalo.

Bernardo começou o terceiro período relembrando que também é um ótimo retornador, colocando o ataque do Croco já na linha de 48 jardas do campo de ataque. Então, bastaram três snaps para a equipe chegar ao touchdown, em conexão de 37 jardas do QB #1 Cunningham para o jovem WR #8 Aguiar. O XP bloqueado pelo time de especialistas do HP e retornado para mini-TD pelo #37 Cleverson Kvas mantinha as esperanças dos visitantes vivas, com o placar em 28 a 15.

Mas, ainda no terceiro quarto, o Coritiba colocaria a diferença no placar em três posses. Numa 3ª and goal na linha de 7 jardas, outra nova aquisição do Croco, o RB #20 Will Zanardine, correu entre os bons bloqueios da OL para garantir o único TD terrestre do jogo. O XP convertido pelo kicker #6 Kevin colocava o placar em 35 a 15.

No último quarto os erros no ataque do HP ficaram mais frequentes, com a equipe tendo que arriscar mais para buscar a diferença. Foram três posses, que acabaram em turnover on downs, interceptação e um strip sack (sack seguido de fumble). Do outro lado, o Croco abusou das corridas, para gastar o relógio e garantir a vitória. Assim, o jogo chegava ao fim. Placar final, Coritiba Crocodiles 35 a 15 Paraná HP.

Confira abaixo os responsáveis pelas pontuações na partida.

Coritiba Crocodiles:
#1 Gabriel Cunningham (QB): quatro passes para touchdown;
#3 Bernardo Horevitch (WR): duas recepções para touchdown;
#8 Aguiar (WR): uma recepção para touchdown;
#10 JR Leach (WR): uma recepção para touchdown;
#20 Will Zanardine (RB): uma corrida para touchdown;
#9 Clayton (K): dois extra points convertidos;
#6 Kevin (K): um extra point convertido.

Paraná HP:
#6 Mateus Rosa (QB): dois passes para touchdown;
#13 Pedro Henrique Ramos (WR): uma recepção para touchdown;
#16 Marcelo Guedes (WR): uma recepção para touchdown;
#37 Cleverson Kvas (CB): um XP bloqueado retornado para touchdown;
#7 Moletta (K): um extra point convertido.

(Fotos: Pâmela Fernandes Fotografia)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s